Últimos Assuntos
Recentes!
Últimos assuntos
» Registro de Empregos
Sab Maio 27, 2017 12:07 pm por Statue of Liberty

» Cannons do Fórum
Sex Maio 26, 2017 7:38 pm por Statue of Liberty

» Ficha para Caçadores
Sex Maio 26, 2017 10:16 am por Statue of Liberty

» Modelo da Ficha de Personagem
Sex Maio 26, 2017 10:07 am por Statue of Liberty

» Registro de Photoplayers
Sex Maio 26, 2017 9:11 am por Statue of Liberty

» Os grupos
Qui Maio 25, 2017 3:45 pm por Statue of Liberty

» Trama do Fórum
Qui Maio 25, 2017 3:43 pm por Statue of Liberty

» Lista de Trabalhos
Qui Maio 25, 2017 3:37 pm por Statue of Liberty

» Lista de Artefatos Mágicos
Qui Maio 25, 2017 3:37 pm por Statue of Liberty

Awards
awards.


none


none
Parceiros

Parceiros,


none


none

HTML da administração

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

HTML da administração

Mensagem por Statue of Liberty em Qua Maio 24, 2017 10:48 pm



As caçadoras permaneciam no Acampamento, até que Ártemis as chamasse de novo. Por ora, a deusa ocupava-se com assunto de ordem maior. E Gwen vinha dedicando seus dias a treinar, fosse com o arco aprimorando sua mira, ou mesmo batalhas corpo a corpo, ainda que achasse que nunca iria precisar.
Às vezes também reservava algumas horas para passear com King e Lea, fosse na praia ou pela floresta. Durante a tarde, gostava de andar pela floresta com seus mascotes. Era densa e fria, o que lhe era confortável e lhe lembrava a sagrada hora do sono e as noites estreladas na companhia de Ártemis. Quando saía à noite, levava os bichos até a praia e a brisa lhe era aconchegante. Gosta de sentar na areia enquanto lobo e gata entendiam-se e brincava à beira do mar.

Vinha sendo uma boa temporada no Acampamento Meio-Sangue, mas era algo que a fazia lembrar de Ben e ainda lhe doía um pouco a perda do irmão mais velho. Também sentia falta das caçadas com suas companheiras e sua mestre, logo não via a hora de voltar para aquele tipo de adrenalina. Era a única coisa que lhe mantinha acordada, ou ao menos lhe fazia esquecer um pouco o sono excessivo, ainda que bocejasse duas ou três vezes durante as caçadas.

&

A chance de se manter acordada naquele dia no Acampamento surgiu ainda no café da manhã, quando Quíron contou que organizara uma caça ao tesouro para aquele dia, com objetos espalhados por todo o camp, e uma recompensa em dracmas. Se era uma caça, Gwen não perderia por nada.
Naquela manhã, ela apenas descansou. Voltou para seu chalé, tirou uma longa soneca revigorante. Não havia local melhor para dormir naquele Acampamento do que o chalé de seu pai, e muitas noites ela dormira ali. Poucas foram as vezes em que destinara-se ao chalé de Ártemis, assim como muitas de suas companheiras de caçada. No almoço, alimentou-se bem e resolveu descansar mais um pouco em seu chalé e antes de sair, tirou logo sua pulseira do punho direito, habilidosamente deixando o pingente de lua cair na palma da mão e assim transformaram-se pulseira e pingente em seu arco e aljava de flechas, que logo Gwen tratou de colocar nas costas. Vestia a camisa do Acampamento com um short jeans e um cinto onde esperava poder guardar o que quer que encontrasse. Guardou no bolso um pedaço de ambrósia enrolado num pano, pois sentia a necessidade de previnir-se de alguma forma.

Na porta do chalé, chamou por King com um assobio específico e o lobo levantou a cabeça alerta. — Vamos — chamou a caçadora, ao que a gata protestou com um miado sobre sua cama. — Vá dormir, Lea. King e eu lidaremos com isso. — Resmungou de volta para a gata com um sorriso no rosto, e a bichana apenas aninhou-se mais para voltar a dormir.

&

Caçadora e lobo, lado a lado chegavam ao ponto de partida inicial da caça: a Floresta. Ter King ao seu lado lhe dava uma boa vantagem quando Quíron deu início à caçada. Enquanto outros semideuses entravam afoitos Floresta adentro, o lobo farejava o chão com paciência. Seu olfato apurado com certeza lhe daria uma direção mais correta do que se ela só tentasse correr como os outros, e o animal caminhava com destreza entre as raízes altas das árvores com a caçadora lhe acompanhando de perto, mas deixando que ele fizesse parte do trabalho.

A conexão com o lobo era incrível ao ponto de, antes mesmo que ele virasse para esquerda ou direita, a própria Gwen já saber o caminho a seguir. Direita, direita, esquerda, direita, esquerda, esquerda. Nenhum campista por perto e King parou sobre a raíz de uma árvore grandiosa que se encontrava ali. Olhou para a caçadora e abriu a boca, colocando a língua para fora. Cansado e satisfeito, havia algo por ali.

A prole de Hipnos sorriu satisfeita para o companheiro e respirou fundo, sentindo o ar do local. Sentia o corpo em fogo, o sangue correndo por todas as veias e a adrenalina lhe mantendo alerta. Era como estar em casa, algo brilhou ao lado da árvore. A passos rápidos, antes que mais alguém aparecesse ali, ela se aproximou do brilho e sorriu. A Excalibur estava ali - ou pelo menos sua réplica - cravada no chão. O sorriso de satisfação cresceu em seu rosto enquanto ela depositava a mão direita no punho da espada, puxando-a para cima. A espada reluziu e Gwen prendeu-a no cinto que vestia.
King logo voltou a correr e farejar, à direita e logo em seguida sempre em frente. Correram por cerca de cem metros até o lobo finalmente parar, e Gwen arfava, cansada pelo esforço e a corrida sem descanso num ritmo alto para acompanhar a velocidade do animal. À frente via um semideus prestes a pegar algo, e puxando uma flecha da aljava e levantando o arco, a menina posicionou-a na corda do arco, puxando com força e soltando em seguida, a flecha zunindo em direção ao chão.



Código:
<center>
<div style="width: 350px; height: 45px; background-color: #1f1f1f; font-family: Oswald; color: #fff; font-size: 25px; text-align: right; border-bottom: 5px solid #775994; text-transform: lowercase;"> [url=http://concrete-jungle.forumeiros.com/u1]administração,[/url]</div>
<div style="width:320px; padding: 5px; background:#000;  height:auto; text-align:justify; font-family:calibri; color: #abadab; font-size: 13px; text-transform: lowercase; border-left: 4px solid #775994;">As caçadoras permaneciam no Acampamento, até que Ártemis as chamasse de novo. Por ora, a deusa ocupava-se com assunto de ordem maior. E Gwen vinha dedicando seus dias a treinar, fosse com o arco aprimorando sua mira, ou mesmo batalhas corpo a corpo, ainda que achasse que nunca iria precisar.
Às vezes também reservava algumas horas para passear com King e Lea, fosse na praia ou pela floresta. Durante a tarde, gostava de andar pela floresta com seus mascotes. Era densa e fria, o que lhe era confortável e lhe lembrava a sagrada hora do sono e as noites estreladas na companhia de Ártemis. Quando saía à noite, levava os bichos até a praia e a brisa lhe era aconchegante. Gosta de sentar na areia enquanto lobo e gata entendiam-se e brincava à beira do mar.

Vinha sendo uma boa temporada no Acampamento Meio-Sangue, mas era algo que a fazia lembrar de Ben e ainda lhe doía um pouco a perda do irmão mais velho. Também sentia falta das caçadas com suas companheiras e sua mestre, logo não via a hora de voltar para aquele tipo de adrenalina. Era a única coisa que lhe mantinha acordada, ou ao menos lhe fazia esquecer um pouco o sono excessivo, ainda que bocejasse duas ou três vezes durante as caçadas.

[center]&[/center]

A chance de se manter acordada naquele dia no Acampamento surgiu ainda no café da manhã, quando Quíron contou que organizara uma caça ao tesouro para aquele dia, com objetos espalhados por todo o camp, e uma recompensa em dracmas. Se era uma caça, Gwen não perderia por nada.
Naquela manhã, ela apenas descansou. Voltou para seu chalé, tirou uma longa soneca revigorante. Não havia local melhor para dormir naquele Acampamento do que o chalé de seu pai, e muitas noites ela dormira ali. Poucas foram as vezes em que destinara-se ao chalé de Ártemis, assim como muitas de suas companheiras de caçada. No almoço, alimentou-se bem e resolveu descansar mais um pouco em seu chalé e antes de sair, tirou logo sua pulseira do punho direito, habilidosamente deixando o pingente de lua cair na palma da mão e assim transformaram-se pulseira e pingente em seu arco e aljava de flechas, que logo Gwen tratou de colocar nas costas. Vestia a camisa do Acampamento com um short jeans e um cinto onde esperava poder guardar o que quer que encontrasse. Guardou no bolso um pedaço de ambrósia enrolado num pano, pois sentia a necessidade de previnir-se de alguma forma.

Na porta do chalé, chamou por King com um assobio específico e o lobo levantou a cabeça alerta. — Vamos — chamou a caçadora, ao que a gata protestou com um miado sobre sua cama. — Vá dormir, Lea. King e eu lidaremos com isso. — Resmungou de volta para a gata com um sorriso no rosto, e a bichana apenas aninhou-se mais para voltar a dormir.

[center]&[/center]

Caçadora e lobo, lado a lado chegavam ao ponto de partida inicial da caça: a Floresta. Ter King ao seu lado lhe dava uma boa vantagem quando Quíron deu início à caçada. Enquanto outros semideuses entravam afoitos Floresta adentro, o lobo farejava o chão com paciência. Seu olfato apurado com certeza lhe daria uma direção mais correta do que se ela só tentasse correr como os outros, e o animal caminhava com destreza entre as raízes altas das árvores com a caçadora lhe acompanhando de perto, mas deixando que ele fizesse parte do trabalho.

A conexão com o lobo era incrível ao ponto de, antes mesmo que ele virasse para esquerda ou direita, a própria Gwen já saber o caminho a seguir. Direita, direita, esquerda, direita, esquerda, esquerda. Nenhum campista por perto e King parou sobre a raíz de uma árvore grandiosa que se encontrava ali. Olhou para a caçadora e abriu a boca, colocando a língua para fora. Cansado e satisfeito, havia algo por ali.

A prole de Hipnos sorriu satisfeita para o companheiro e respirou fundo, sentindo o ar do local. Sentia o corpo em fogo, o sangue correndo por todas as veias e a adrenalina lhe mantendo alerta. Era como estar em casa, algo brilhou ao lado da árvore. A passos rápidos, antes que mais alguém aparecesse ali, ela se aproximou do brilho e sorriu. A Excalibur estava ali - ou pelo menos sua réplica - cravada no chão. O sorriso de satisfação cresceu em seu rosto enquanto ela depositava a mão direita no punho da espada, puxando-a para cima. A espada reluziu e Gwen prendeu-a no cinto que vestia.
King logo voltou a correr e farejar, à direita e logo em seguida sempre em frente. Correram por cerca de cem metros até o lobo finalmente parar, e Gwen arfava, cansada pelo esforço e a corrida sem descanso num ritmo alto para acompanhar a velocidade do animal. À frente via um semideus prestes a pegar algo, e puxando uma flecha da aljava e levantando o arco, a menina posicionou-a na corda do arco, puxando com força e soltando em seguida, a flecha zunindo em direção ao chão.
</div>
</center>
avatar
Statue of Liberty
Admin

Mensagens : 19
Data de inscrição : 23/05/2017

Ver perfil do usuário http://concrete-jungle.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum